Amor Não Tem Idade

 

134 VOTOS

O projeto procura combater a solidão e o isolamento social da população mais envelhecida de Barcelos, através de práticas participativas e intergeracionais, tendo sempre em vista a estimulação motora e cognitiva desta, de forma a enriquecer o seu dia-a-dia e contribuir para um Envelhecimento Ativo. O projeto chega dessa forma à população mais envelhecida de Barcelos, através de diversas atividades e um voluntariado contínuo e comprometido dos jovens barcelenses, apoiando as poucas respostas existentes na luta contra a solidão. Com o projeto também é possível sinalizar e dar resposta aos casos que necessitam de uma intervenção social mais urgente, contínua e específica que de outra forma permaneceriam invisíveis. O projeto contribui para a criação de uma “comunidade habitável” em Barcelos, conceito este que liga o design físico, a estrutura social e as necessidades de todas as gerações que compartilham um local comum. É por isso que a conceção deste projeto estimula um envelhecimento verdadeiramente participativo na vida das comunidades, afigurando-se assim importante para maximizar a funcionalidade de muitas pessoas idosas que, de outra forma, se tornariam passivas ou mesmo dependentes. Desta forma, são estruturadas um conjunto de ações (Visitas de Acompanhamento, Avaliação Diagnóstica Especializada, Plano Individual de Estimulação, etc) em torno dos seguintes objetivos, para as quais é necessário apoio financeiro: • Trabalhar relações intergeracionais entre os idosos e os jovens, enriquecendo assim o dia-a-dia de ambos os grupos, através da criação de laços afetivos. • Diagnosticar, prevenir e retardar o declínio motor, cognitivo e funcional dos idosos através de práticas estimulativas, contribuindo assim para um envelhecimento mais ativo dos mesmos. • Reconhecimento do valor da população idosa, sensibilizando a comunidade local para a problemática do envelhecimento e tornando-a mais inclusiva para com a população idosa. • Sinalizar as pessoas idosas que tenham necessidades sociais que ainda não foram identificadas, fazendo estas chegar às respostas sociais mais indicadas e competentes. • Criação de parcerias entre os atores e entidades locais de forma a trabalhar a problemática do isolamento e solidão, assim como outras problemáticas relacionadas com o envelhecimento.

Partilhar:

Referência do Projeto:

OPB Ref. 94/21


Custo Estimado:

até 50.000 €


Proponente:

João António Faria Silva